16 de novembro de 2018

O déspota

Imagem: Winter (1897), Alfons Mucha

Na hora em que se avizinha
o respeito que ele impõe é tanto,
que se uns somem de vista
outros se encolhem nos cantos.

Só a árvore não se intimida
e desnuda todo o seu encanto:
o robe com que se cobria
vira tapete pra ele ir passando.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).