19 de outubro de 2018

Arsenais

Tela: La Primavera (1883), Walter T. Crane

Uma queima seus recursos
- raios e calor, sobretudo -
e não vê reação a seu custo.

Outra, com um sopro difuso,
faz o campo inerte e mudo
revolver-se em um segundo.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário