24 de março de 2018

Descoberta

Tela: Intérieur, Gustave Caillebotte (1848-94)

Ao seguir o vestígio de desdita,
qualquer arremedo de Arqueologia
escava a intenção sob as vistas
na palavra que não vê luz do dia.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário