28 de janeiro de 2018

Ligada

Foto: U.S. Department of Agriculture U.S. Forest Service/USDA

Queima o lote perto de casa -
e a vista fica embaçada.
Da janela, carros levitam
postes se partem
telhados são chapéus sem cabeça
e árvores ganham uma anágua.
O sol é ofuscado -
quem toma não se bronzeia:
sua luz desce filtrada.
Brancos assim e a tarde passa...
... Carros, postes, telhados e árvores
embarcam nessa lânguida barca.
Queima o lote: o fumo é esparso. Eu não puxo,
mas não posso evitar o barato.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).