21 de dezembro de 2017

Pela calada

Foto de Ewald Gabardi

Num ponto obscuro aferrada
distante e ensimesmada
a julgam perdida, sendo levada.
Mas à tardinha saiu de casa
com uma rota bem-pensada
que segue à risca, aplicada.
E quando vem a alvorada
quem parecia "não querer nada"
cruza uma linha de chegada.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário