20 de agosto de 2016

Reciprocidade

Tela: Vollmond bei Pillnitz, Carl Gustav Carus (1789-1869)

A lua sabe: amor é fardo pesado
que não se leva sozinha.
Astuta, paquera o lago -
que balança, mas a toma inteirinha.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário