3 de agosto de 2016

O parto

Tela: Drifting Clouds (circa 1820), Caspar David Friedrich

Com seu gume, a Serra lacera a nuvem
e não se ouve um resmungo.
Num corte moroso - e bem-sucedido -
traz à luz outras sombras sobre o mundo.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem-vindo! Obrigada por participar.