21 de abril de 2015

De guarda

Tela: In the Skerries (1894), Anders Zorn

Na paixão, vivo exausta:
não me afasto um instante.
Nem no sono:
vai que me leva a terras distantes...


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário