17 de fevereiro de 2015

Hermes

Foto: Relief of Mercury (or of Hermes) - Foto de Michal Maňas (User:Snek01)

Passe por mim.

Feito esses moleques
avoados
que peito à frente
braços pra trás
derrubam tudo.

Moleques despidos
de shorts,
sola no chão
sem medo de ripa,
de cinta,
de nada.

De cá, um pensamento
pra que pulseira sua,
anel
ou unha lascada
desfiem meu tricô
pra me vestir de vento,
me fazer correr
ou prendê-lo em mim.

Pare um momento.

Plante aqui
o legado célere da sua essência:
nunca entendi
por que vocês partem
e eu resto.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem-vindo! Obrigada por participar.