21 de fevereiro de 2015

A Presença

Tela: A Japanese Lantern (1885), Oda Krohg

Pra quê perguntar "onde você
está"? Você está em todo lugar.
Na derrota do time,
na long neck vazia,
num longo abraço,
no Amor até o fim,
no mês de março,
se faz calor, se garoar,
na barroca,
no barroco,
na tela de Escher,
no espelho
e se ele quebra
sorte a minha:
milhares de você
olhando pra mim.

Como é possível saudade assim?


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário