20 de janeiro de 2015

Fleuma

Tela: Nude in Dappled Sunlight (1915), Frederick Carl Frieseke

Sob calor
tudo sobe:
balão,
ânsias,
membros.

Mas sol vespertino
é fraco:
requenta sonhos,
soluções,
lampejos.

Muito pouco
evapora.
Comigo,
velhos desejos.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário