13 de agosto de 2014

Peut-être

Foto de MALIZ ONG

Peut-être.
Talvez em francês.
O dia em que aprendi, bingo:
palavra difícil
pra algo bem complicado.

Em português, talvez soa claro.
Mas deixar alguém em suspenso,
entre o sim e o não,
sem saber... Intrincado.

Peut-être chova.
Peut-être eu vá à missa.
Peut-être eu ache a fé
que escapou
quando entrei na sua casa.

E reveja a graça no sol
quando ele corta
a linha do horizonte,
desmanchando a tarde
e mostrando fora
o escuro que faz aqui.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário