14 de agosto de 2014

Dura na queda

Foto de nuzrath nuzree

Admiro a Torre de Pisa
e as mocinhas do cinema:
tem quem as segure.
Eu não.

Desde cedo
engoli cabo de vassoura -
não me cabe
luxo da inclinação.

Pobre moça no espelho.
Tem destino de bambu
(enfrentar a força dos ventos)
mas não pode envergar:
cai logo no chão.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem-vindo! Obrigada por participar.