28 de junho de 2014

A cidade

Foto de George Hodan

Escrito em São Paulo - 23 de junho

O carro voa.
A seta indica.
Alguém faz curva.
O céu nubla.
O mercado abre.
A folha vira.
O vidro suja.
A boca de lobo aberta.
A faixa espera.
O asfalto queima.
A cortina fecha.
A rotatória fica.
O muro parte.
O grafite vibra.

Tudo o que se move ou para
me tromba, me rasga,
me recupera.
Embora nem saiba de mim.


Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem-vindo! Obrigada por participar.