11 de abril de 2014

Partido

Tela: Approaching Thunderstorm (The Large Poplar II) - 1903 - Gustav Klimt

Interrupções
são como o susto
de estar no oceano
fundo
e subir depressa
à superfície.

Como balão de festa
que estoura na madrugada.

A vassoura
escorada no canto
que se cansa e cai.
O celular que vibra,
um espirro alto,
o canal errado na TV
que chia.
Alguém que fecha
o livro grosso
de repente.

Há quem pense: "Estorvo!".
Não, eu.

Tudo o que cinde
a linha contínua no meio
é bem-vindo.

Porque tudo o que estala
traz à vida de novo
o absorto, o dormente.
(Não obstante as palpitações.)

Tela: Beech Grove I (1902), Gustav Klimt



Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário