15 de junho de 2011

Três ORAÇÕES ao Coração de Jesus

Neste Post d'A Católica, conheça as preces criadas por:
Santa Gertrudes, São João Eudes e Santa Margarida Maria Alacoque.

Imagem: Sacred Heart of Jesus (1848), Published by N. Currier

O Papa Pio XII (Sumo Pontífice de 1939 a 1958) elucida na encíclica Haurietis aquas (1956), onde fundamenta teologicamente o culto ao Coração de Jesus, que vários santos distinguiram-se no desenvolvimento dessa devoção.

A seguir, você acompanha os resumos da vida de três deles, escritos pel'A Católica, e as orações que criaram para o Coração Eucarístico. Ah: não deixe de conferir também o Post do Blog: TUDO sobre o Sagrado Coração de Jesus. Saúde e Paz!!

Saint Gertrude - 17th century - Cuzco School
Museu de Arte Sacra da Universidade Federal da Bahia
(Salvador, BRASIL)
Santa Gertrudes (1256-1301): Mística, era chamada “Magna” ou “a Grande” para distinguir-se de outras santas com o mesmo nome. Nasceu na Alemanha e teve sólida formação em um mosteiro cisterciense (da Ordem de Cister ou de São Bernardo). Aos 25 anos, depois de rezar, viu Jesus reprovando sua excessiva aplicação aos estudos. Assim, tornou-se contemplativa, dando ênfase à devoção ao Coração de Jesus e à Eucaristia. A ela, é atribuída a seguinte oração:

Ó Jesus, fonte de água viva, dá-me de beber desta água viva que jorra do Teu coração; quando a tiver provado, só de Ti terei sede por toda a eternidade.
Mergulha-me inteiramente nas profundezas da Tua misericórdia.
Batiza-me na santidade de Tua preciosa morte.
Restaura-me no Teu sangue pelo qual me resgatastes.
Lava, na água que sai do Teu santo lado, todas as nódoas com que manchei a inocência do meu batismo.
Enche-me do Teu espírito e possuí-me inteiramente na pureza da alma e do corpo.

Scultpture of St. John Eudes at St. Peter
at Vatican basilica (1932) - Fotografia de Silvio Silva
São João Eudes (1601-1680): Contrariando o desejo dos pais, que o queriam casado, tornou-se padre. Dedicou-se à evangelização no meio do povo, percorrendo toda a França, seu país de origem, com suas pregações. Em 1643, fundou a Congregação de Jesus e Maria ou Congregação dos Padres Eudianos. Foi divulgador do culto aos Corações de Jesus e de Maria. A ele, deve-se o primeiro ofício litúrgico em honra do Coração de Jesus, cuja festa se celebrou, pela primeira vez, em 1672. É dele esta oração:

Salve, Coração santíssimo!
Salve, Coração dulcíssimo!
Salve, Coração humílimo!
Salve, Coração puríssimo!
Salve, Coração todo dedicado!
Salve, Coração sapientíssimo!
Salve, Coração pacientíssimo!
Salve, Coração obedientíssimo!
Salve, Coração sempre vigilante!
Salve, Coração fidelíssimo!
Salve, Coração cumulado de felicidade!
Salve, Coração misericordiosíssimo!
Salve, Coração amantíssimo!
Nós Vos adoramos, Vos louvamos, Vos glorificamos, Vos rendemos graças.
Nós Vos amamos de todo o coração,
com toda a nossa alma e com todas as nossas forças.
Nós Vos oferecemos, damos, consagramos, imolamos nosso próprio coração.
Recebei-o e possuí-o todo inteiro e purificai-o.
Iluminai-o e santificai-o, para que ele viva em Vós e que vivais e reineis nele agora e sempre e por todos os séculos. Amém.

Saint Margaret Mary Alacoque
Contemplating the Sacred Heart of Jesus (1765),
Giaquito Corrado
Santa Margarida Maria Alacoque (1647-1690): Órfã de pai, teve que vencer a resistência da mãe e de outros parentes para entrar no convento da Ordem da Visitação (fundada por São Francisco de Sales), em Paray-le-Monial, na França. Pouco tempo depois de vestir o hábito, entre 1673 e 1675, o próprio Cristo manifestou-se a ela com o peito aberto: Seu coração estava envolto em chamas, rodeado por uma coroa de espinhos, transpassado por uma ferida profunda, ensanguentado e encimado por uma cruz. Então, exclamou: “Eis aquele Coração que tem amado tanto aos homens a ponto de nada poupar até exaurir-Se e consumir-Se para demonstrar-lhes o Seu amor”.

Naquele instante, Santa Margarida era escolhida para ser a mensageira do Seu coração. Depois das dificuldades iniciais (houve quem duvidasse das suas visões), teve a consolação de ver o culto propagado e seus opositores tornarem-se, também, devotos do Coração de Jesus. É autora desta oração:

Eu Vos saúdo, Coração de meu Jesus, salvai-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Criador, aperfeiçoai-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Salvador, libertai-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Mestre, ensinai-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Benfeitor, enriquecei-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Pastor, guardai-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Juiz, perdoai-me!
Eu Vos saúdo, Coração de meu Rei, coroai-me!
Eu Vos saúdo, Coração caridoso, atuai em mim!
Eu Vos saúdo, Coração misericordioso, respondei por mim!
Eu Vos saúdo, Coração pacientíssimo, suportai-me!
Eu Vos saúdo, Coração desejável e belíssimo, arrebatai-me!
Eu Vos saúdo, Coração bendito, médico e remédio de nossos males, curai-me!
Eu Vos saúdo, Coração com todo amor fornalha ardente, consumi-me!
Eu Vos saúdo, Coração das bênçãos eternas, chamai-me!

Importante:

Todos os Poemas escritos e publicados no Blog acatolica.com
são sistematicamente registrados
junto ao Escritório de Direitos Autorais (EDA)
da Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro (BRASIL).

2 comentários:

  1. Ei Ana
    Lindas orações, que o coração de Jesus continue derramando graças sobre todos nós e especialmente sobre você
    Bjs
    Christian

    ResponderExcluir
  2. Ana querida, quão belas e profundas são as orações dos Santos! Uma graça e honra poder repetí-las a Nosso Senhor com toda devoção da nossa alma.
    Paz e Bênçãos!

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem-vindo! Obrigada por participar.